Receita: Cookie de Limão (com versão vegana e sem glúten)

Receita compartilhada pela Cozinha da Maria

  • 1 xícara de açúcar (120 g);
  • 80 ml de óleo;
  • 2 colheres de sopa de leite da sua preferência (vegetal para a versão vegana);
  • Suco e raspas de 1 limão siciliano;
  • 2 xícaras de farinha de trigo (200 g);
  • 1/2 colher de café de fermento em pó.

Modo de preparo

  1. Misture o açúcar, óleo e leite. Adicione o restante dos ingredientes;
  2. Usando duas colheres, faça bolinhas e coloque-as em uma assadeira untada ou coberta com papel manteiga;
  3. Leve ao forno pré-aquecido a 180º C por 18 minutos (não deixe mais tempo, pois seu cookie ficará muito seco e crocante.
Para a versão Sem Glúten:
  • Use 1 e 1/2 xícara de farinha de arroz com 1/2 xícara de polvilho doce ou amido de milho.
  • Pode usar o açúcar que preferir. Adoçante também funciona.

Receita: Requeijão fácil de micro-ondas

DICA:
Coloque de 30 em 30 segundos no micro-ondas, retirando e mexendo bem, até que a muçarela derreta e fique no ponto em que mostra no vídeo!

Receita: Pescada ao molho de páprica

Receita: Torta de Bacalhau Low Carb

Vai ter bacalhau na sua ceia do Ano Novo? Procuramos a nutricionista Isabella Correia, da clínica La Prath, no Rio de Janeiro, como fazer uma torta com o peixe bem baixa em carboidratos, para não sair da linha já na Virada – e o melhor é que ela fica pronta em apenas três passos. Confira:

Imagem de divulgação

 

  • 400 g bacalhau dessalgado, desfiado e refogadinho com 1 cebola
  • 4 claras em neve
  • 2 gemas
  • 150-200 g ricota (ou tofu temperado)
  • 1 colher de chá de fermento em pó
  • Pimenta, salsa e cebolinha a gosto
Modo de preparo

Amasse a ricota com as gemas e incorpore os outros ingredientes. Use uma forma de fundo removível, mas pode ser outra também. Leve ao forno baixo até dourar. Simples e delicioso.

Conteúdo Vogue

Receita: Gnocchi de Inhame (vegano)

Mais do que um dia de descanso, repouso e preguiça absoluta, domingo também é o dia da família, de almoçar junto, aproveitar em conjunto… Também é dia de comer uma bela massa e, mais do que isso, um gnocchi (ou nhoque “pá nóis” sem frescura) bem macio saboroso. Pensou na farinha, bagunça, ovo, sujeira e bateu o desânimo? Sacode essa energia porque essa receita com inhame é super rápida e fácil de fazer.

gnocchi-683734_640

Mas, espera aí…

Primeiramente, você conhece o inhame? Já ouviu falar dele? O inhame é um tubérculo, parente da batata doce, mandioca e cará. Ele é aquela coisa marronzinha que você olha no supermercado na sessão de hortifrúti e se pergunta: “Nossa, que estranho! O que é isso?” É o inhame!

Aqui ele tá limpinho, mas geralmente é meio “peludinho”.

Ele tem um sabor bem suave, lembra um pouco uma mistura, de paladar mais leve, de mandioca com batata. É difícil explicar, só provando. Mas dá para ter uma ideia. Se você gosta de batata e mandioca, não terá problemas com o inhame.

É super nutritivo: possui vitamina B6, C e E, potássio, ferro, magnésio e é rico em fibras. E ainda tem vários benefícios.

inhame

O preço do inhame varia de região para região, mas gira em torno de R$ 6 a R$ 9 o quilo. Pode parecer caro, porém ele não pesa muito, então dá para comprar uma quantidade boa por um preço justo.

Dito tudo isso, vamos à receita! Ela é original da Bela Gil, totalmente vegana, sem ovo, sem leite e a proposta da Bela é servir ao molho pesto. Aqui vamos deixar a opção do molho a gosto do freguês (dá super certo com vermelho, branco etc.). Caso queira fazer o pesto da Bela, o link é este aqui.

Para o gnocchi, você vai precisar de:

  • 250g de inhame (2 grandes)
  • 1 colher (sopa) de azeite de oliva
  • 1/2 colher (chá) de sal marinho
  • 1/2 xícara (chá) de farinha de arroz + 1 colher (sopa)

A Bela sugere assar o inhame no forno. Aqui nós somos totalmente a favor da praticidade e facilidade na cozinha. Por isso, nossa sugestão de cozimento do inhame é no micro-ondas.

  1. Faça furos com um garfo ou faca no inhame e coloque num prato com recipiente aberto que possa ir ao micro-ondas. Programe 8 minutos na potência alta. Se você cortar o inhame em pedaços grandes, esse tempo pode ser o suficiente. O importante é o inhame ficar macio, faça o teste com um garfo (que deve penetrar sem muito esforço). Se precisar de mais tempo, vá colocando de 1 em 1 minuto até atingir o ponto ideal.
  2. Depois de cozido, espere esfriar um pouco e descasque o inhame.
  3. Coloque-o numa bacia com sal e azeite. Amasse bem.
  4. Adicione a farinha de arroz aos poucos até formar uma massa consistente.
  5. Acrescente o sal.
  6. Separe a massa em pequenas porções e abra em forma de nhoque. Para isso, você pode enrolar “minhocas”, rolinhos, e depois cortar os quadradinhos com a espessura de um dedo indicador. Se quiser dar um charme de chef, amasse levemente os quadradinhos com um garfo.
  7. Coloque uma panela no fogo com água e deixe ferver. Depois, coloque sal e um fio de óleo ou azeite.
  8. Adicione o nhoque e, assim que ele subir, retire.
  9. Dê um choque térmico com água fria, para parar o cozimento

Esse nhoque de inhame é bem delicado e fica um pouco mais pegajoso e ‘esfarelento’ do que nhoque tradicional de batata, que é mais firme. Então, cuidado ao manuseá-lo, principalmente durante o choque térmico. Cuide para que a água não caia com força sobre eles, para não desmanchar.

Depois disso feito é só misturar ao molho de sua preferência. Nesse momento também é bom ter cautela e misturar delicadamente para não virar um purê. Mas, ele incorpora bem e fica delicioso. Macio, macio. Serve bem duas pessoas.

Praticidade e gostosura com soja: receitas vegetarianas

Você é daquelas pessoas que quer começar a comer melhor, a inserir alimentos mais saudáveis, mas não sabe por onde começar? Que tal a soja? Ela é um grão cheio de benefícios, que se apresenta de várias formas e permite uma certa versatilidade na cozinha. Duvida? As receitas de bolinho e almôndega a base de soja que vamos ensinar são a prova!

chana-166988_640

A soja é tudo de bom: rica em proteínas, fibras, é fonte de vitamina K, cálcio, ferro, fósforo, magnésio e zinco. Atua auxiliando o equilíbrio hormonal, na redução do colesterol, na melhora do funcionamento do intestino e protege os ossos.

Razões melhores do que essas para adicionar a soja na sua rotina alimentar (pra ontem), só conferindo essas receitas fáceis e gostosas. Ambas são vegetarianas, mas nem por isso deixam a desejar para as ditas tradicionais.

Bolinho de soja

  • 2 ovos
  • 1 cebola média ralada
  • 1 colher das de café de pimenta malagueta amassada
  • 2 xícaras de farinha de soja
  • 2 xícaras de farinha de trigo

Misture todos os ingredientes. A massa deve ficar firme a ponto de ser enrolada com as mãos. Se, ao misturar, não estiver a ponto de enrolar, acrescente mais farinha de soja aos poucos. Faça bolinhas e frite em óleo quenteaté dourar. Para uma opção mais saudável, use a fritadeira sem óleo ou asse em forno médio por 25 a 30 minutos ou até dourar. Se quiser incrementar, pode rechear com queijo e orégano ou mesmo legumes cozidos e temperados. O rendimento é de 40 bolinhos pequenos.

Almôndega de soja

  • 1 ½ xícara de chá de proteína de soja
  • 1 cebola média picada bem miúda
  • 3 dentes de alho amassado
  • 1 ½ xícara de chá de aveia em flocos finos
  • 1 colher de sopa rasa de manteiga
  • 1 colher de sopa de farinha de trigo
  • 1 colher de chá rasa de sal
  • 1 ovo
  • 2 colheres de sopa de linhaça triturada
  • Molho de sua preferência
  • Cheiro-verde picadinho a gosto


Coloque a proteína de soja de molho para hidratar por duas horas. Em seguida, lave-o e escorra em uma peneira. Aperte bem para retirar o excesso de água. Depois, coloque no liquidificador e bata ligeiramente. Despeje em um recipiente, acrescente os demais ingredientes e misture tudo muito bem. Com as mãos, faça bolinhas pequenas e coloque em uma assadeira untada com óleo ou manteiga. Leve ao forno e asse por aproximadamente 20 a 25 minutos ou até ficar consistente e dourado. Depois de assadas, coloque as almôndegas em uma panela e acrescente o molho. Deixe cozinhar por alguns minutos e sirva! O rendimento é de 20 almôndegas.

Receita: Bolo de casca de banana

Em tempos de crise, o bom negócio é reaproveitar tudo o que se pode e evitar o prejuízo, não é?! Quantas vezes não ouvimos sobre ou vemos reportagens nos telejornais falando do desperdício de alimentos? E na sua casa, como funciona? Você economiza? Reutiliza? Pois a receita de hoje é um incentivo à utilização total dos alimentos: um bolo feito com a casca da banana!

cake-356152_640

O rendimento é de 20 pedaços e cada um tem 224, 68 kcal. Para a massa você vai precisar de:

  • 4 cascas de banana
  • 2 ovos
  • 2 xícaras de chá de leite
  • 2 colheres de sopa de margarina
  • 3 xícaras de chá de açúcar
  • 3 xícaras de chá de farinha de rosca
  • 1 colher de sopa de fermento em pó

Para a cobertura:

  • ½ xícara de chá de açúcar
  • 1 e ½ xícara de água
  • 4 bananas
  • ½ limão

DSC01508

Mãos na massa:
Lave as bananas e descasque. Guarde as 4 cascas para fazer a massa. Separe as claras das gemas. Bata as claras em neve e reserve na geladeira. No liquidificador, bata as gemas, o leite, a margarina, e açúcar e as cascas de banana. Coloque essa mistura em uma vasilha e acrescente a farinha de rosca. Mexa bem.

DSC01509

Depois, misture delicadamente as claras em neve e o fermento. Despeje numa assadeira untada com margarina e farinha. Leve ao forno médio preaquecido com aproximadamente 40 minutos.

Para a cobertura:

DSC01510

Derreta o açúcar em uma panela e junte a água, fazendo um caramelo. Acrescente as bananas cortadas em rodela e o suco de limão. Cozinhe. Quando amolecer e ficar mais molinha, está no ponto. Cubra o bolo ainda quente.